O adeus de Cássio: Todos os detalhes sobre a transferência do goleiro do Corinthians para o Cruzeiro

广告位火热招租中
```html

A era Cássio no Corinthians pode chegar ao fim em julho. O goleiro de 36 anos é um dos líderes da equipe, mas perdeu o posto de titular absoluto para Carlos Miguel nos últimos jogos e pode encaminhar a saída do clube ainda neste ano. O principal interessado no arqueiro é o Cruzeiro.

O time mineiro, que agora tem Alexandre Mattos como diretor de futebol, vê com bons olhos a contratação de Cássio por considerar que tem impacto positivo. O clube ofereceu ao goleiro um contrato válido por três anos, e o jogador está propenso a aceitar a proposta por enxergar que uma mudança de ares seria bem-vinda. A decisão deve ser anunciada ainda nesta semana.

Cássio pode estar de saída do Corinthians, e o destino seria o Cruzeiro. Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

PUBLICIDADE

Cássio foi alvo de críticas por parte da torcida nos últimos jogos em que defendeu o gol alvinegro, e fez forte desabafo sobre a situação vivida no clube. Desde então, o camisa 12 tem ficado no banco de reservas nas partidas do time comandado pelo técnico António Oliveira.

O treinador, inclusive, falou sobre o assunto na entrevista coletiva após a vitória diante do Argentinos Juniors na terça-feira. “É um grandíssimo goleiro, o maior ídolo da história do clube, e isso não se apaga. Vai ficar gravado nas páginas douradas do clube”, disse o técnico.

António Oliveira também afirmou que não vai interferir na decisão sobre o futuro do atleta. O atual vínculo do goleiro com o Corinthians vai até dezembro de 2024, e o time alvinegro não deve impedir a negociação com o Cruzeiro. No entanto, o desejo do clube paulista é ter o goleiro no elenco até o fim de 2025.

“Essas questões serão decididas entre diretoria e Cássio, que melhor que ninguém saberá dar melhor solução à situação. Um dia vou morrer feliz por dizer que fui treinador do Cássio”, pontuou ele. Vale destacar que o clube celeste quer ter o arqueiro ainda nesta temporada. Com isso, o acordo seria concretizado na abertura da janela de transferências do meio do ano.

Leia também

  • Cássio está perto do fim da carreira? Ex-goleiros analisam fase do ídolo do Corinthians

  • Galvão Bueno comenta crise no Corinthians e defende Cássio de ‘críticas cruéis’; veja vídeo

  • Corinthians lidera em receitas entre grandes de SP, mas vê dívida disparar em 5 anos; veja análise

Cássio é ovacionado na Neo Química Arena

O Corinthians goleou o Argentinos Juniors por 4 a 0 na quinta rodada da Copa Sul-Americana e garantiu vaga no mata-mata da competição de forma antecipada. Apesar da vitória e da classificação, o principal assunto na Neo Química Arena após o jogo foi o goleiro Cássio.

Publicidade

O ídolo corintiano foi ovacionado pelos torcedores antes do apito inicial e também teve o nome gritado nas arquibancadas da arena na saída do campo. O jogador agradeceu o apoio, mas não comentou sobre os próximos passos da carreira. “No momento certo, eu vou falar”, disse o goleiro ao passar pela zona mista.

Apesar disso, o elenco alvinegro não poupou elogios ao goleiro ao falar de uma possível transferência de Cássio para o Cruzeiro. O atual titular Carlos Miguel enfatizou a gratidão pelo companheiro de posição e fez pedido. “Se hoje venho jogando, é graças a ele também. Ele, para mim, é como um pai, um cara que cuida bastante de todos. A decisão (que Cássio tomou) eu não sei, não cabe a mim. Eu agradeço muito a ele por tudo aqui, e peço que ele fique”, disse ele.

Yuri Alberto ressaltou que Cássio é “um grande líder”. “Independentemente da decisão que ele tomar, se ele estiver feliz junto da família dele, vai ser a decisão mais importante. Se ele ficar, vou ficar muito feliz, pois é um cara que sei que vai me ajudar bastante nessa evolução que estou tendo. Ele é um líder que passa uma confiança muito grande nos jogos, nos treinos”, afirmou o atacante.

O zagueiro Cacá também destacou o papel de protagonista do goleiro de 36 anos na equipe corintiana. “Ele sabe que é um ídolo, sabe da importância dele aqui dentro. O quanto é importante a palavra dele no vestiário. É o que está fazendo, nos motivando e cobrando. Está sendo importante para a gente entrar motivado para o jogo. Cássio sabe a importância dele”, disse o defensor.

Cássio chegou ao Corinthians em 2012 e soma 712 jogos pelo time, com nove títulos conquistados: o Campeonato Paulista em 2013, 2017, 2018 e 2019, o Campeonato Brasileiro em 2015 e 2017, a Copa Libertadores em 2012, o Mundial de Clubes em 2012 e a Recopa em 2013.

O último jogo do arqueiro como titular na equipe treinada por António Oliveira foi em 23 de abril, na derrota do Corinthians para o Argentinos Juniors fora de casa na Copa Sul-Americana.

```


Por /


广告位火热招租中